sexta-feira, janeiro 09, 2009

Das Palavras

... para a Sayuri, porque te contei isto ainda agora... porque as almas não mentem...

Recebi um e-mail dele por acaso. Pedia-me informações sobre um tema acerca do qual eu costumava escrever, num site. Eu respondi e devo ter-me inspirado.

Ele voltou a escrever, agradecendo e salientando ter gostado da forma como eu me tinha expressado, especialmente porque se tinha identificado com o que eu dizia.

Sem nos darmos conta, os mails continuaram, trocávamos ideias, sonhos, conselhos, histórias. E passámos dias, semanas, meses, anos nesta troca. Aquela pessoa, que eu nunca tinha visto, era o meu confidente, o meu amigo. Não tinha qualquer vontade de o encontrar, achava que iria mudar tudo, que ele seria diferente do que eu esperava, que nos desiludiríamos facilmente. Que ele, na verdade, não me conhecia.

Então, um dia, soube de um workshop sobre uma área que me interessava, e ele disse que ia. Soube que o iria ver, o que me assustou muito. O meu sonho ia acabar. O meu amigo podia não ser nada do que eu conhecera até ali.

Ainda combinámos encontrar-nos antes, mas não aconteceu.

Entrei no edifício juntamente com mais 5 raparigas que iam para o mesmo workshop. A facilitadora era amiga dele, confidente, e sabia desta história. Assim que disse o meu nome, ela sorriu e pediu-me para ficar junto das outras. Chamou-o e disse:

- A., uma destas é a Lita. Consegues descobrir qual é?

Ele hesitou. Não mais de 5 segundos. Assim que os olhos pousaram em mim sorriu e disse:
- É esta. Conheço-lhe a alma.

E deu-me um abraço que foi adiado por anos.

25 comentários:

Ianita disse...

A sério... olhos em água...

Porque muitas vezes nos inibimos e escondemos a alma a quem nos olha e mostramo-la a quem nos vê, mesmo que seja do outro lado da Internet...

E quando as almas se encontram... choque eléctrico! :)

E não que ter medo, porque o coração não mente...

Kisses

Lita disse...

É verdade... por vezes, aquilo que conhecemos e estamos habituados é muito menos do que aquilo que nos está disponível.
Foi uma experiência bonita! :)

Miepeee disse...

Uau...fantastico! E depois? (sou cusca sim)

Lita disse...

Depois... ficámos amigos. Ele era uma pessoa muito especial. Afastámo-nos naturalmente com o tempo, mas recordo-me dele com muito carinho. Ainda há um mail ou outro, de vez em quando.

Sayuri disse...

Bom, bom seria que as almas viessem já com um crachá de identificação... :)

Lita disse...

...hmmm, mas seria a viagem tão interessante???? :)

XR disse...

Decididamente menos interessante ... sem o sabor da descoberta, do desconhecido.
(Tenho um netfriend que jura que se um dia entrar numa sala cheia de gente onde eu esteja me vai reconhecer num instante por motivos semelhantes a esse. Ainda não calhou testar a teoria!).

Neptuna disse...

:) arrancaste-me mais um sorriso com esta história tão bonita. beijinhos!

Lita disse...

Xr, concordo contigo,muito menos interessante! Acredito no teu netfriend... pela minha experiência, isso é perfeitamente possível! :)

Neptuna, que bom! Gosto de te ver sorrir! :)

Kaila disse...

Esta é das tuas histórias mais lindas...
sem dúvida alguma

Lita disse...

Kaila, digamos que também tens algumas... ;)

Pedro Barata disse...

Podias ter aproveitado melhor essa amizade se não tivesses medos! Mas é uma história bonita! ;)
Beijinhos

Lita disse...

Pedro Barata, achas???? Eu penso que algum medo, nestas situações, é apenas normal. Mas isto foi o início da história... eu acho que a aproveitei bem... até porque a amizade começou com as mensagens, mais até do que com o encontro. :)
Beijinhos!

Lua disse...

Que boniiito!:')

Beijinho*

Lita disse...

Beijinho,Lua! :)

Alguém disse...

Fantástico... És uma sortuda por teres um amigo assim, e pela forma como o arranjaste :-)

beijinho

Lita disse...

Alguém,sou! :) Tenho é de me lembrar disso mais vezes!

Eumesma disse...

Que bonito, a tua experiencia só mostra que encontramos pessoas especiais onde menos esperamos, só deveremos deixar que elas tb "entrem" na nossa vida (com as devidas cautelas, claro).

(vim parar aqui através do blog da Menina Noiva Judia e confesso que gostei mto do teu cantito e o da tua amiga Sayuri, espero que não se importem :-)

Fica bem e bom final de semana.

Estrela Cadente disse...

A M E I!!!Cada post, cada momento mágico...lindo, lindo!bj

Lita disse...

Eumesma, bem vinda!!! Espero que gostes!

Estrela Cadente, obrigada!!! Beijinhos!

Sayuri disse...

nao publiques, que nao vale a pena: vem pro msn

Lita disse...

Estou a ir... ;)

Laidita disse...

Que história tão bonita e que sorte ter um amigo assim!

Bjs!

Lita disse...

Laidita, é muito bonita, verdade! Uma pessoa especial...

Andy disse...

Adorei simplesmente! Bjinho